11/08/2007

Novamente aterrizamos em um Lan House para mandar notícias. Por aqui vai tudo bem, estamos em Cananéia. Ficamos em Guaraqueçaba por duas noites, a perdemos o barcoi para Superagui num dia, o oficial e tivemos que pegar no outro dia, um frete já pago por um cara que encomendou uns sacos de cimento. Acabou que ficou muito mais barato.

Chegando em Superagui, a gente achando que iríamos pedalar até a casa da Dona Rosa direto, mas tivemos uma surpresa em saber que uma galera que estava no enca agora estva na casa de sua filha na vila! E mais, era dia de festa de aniversário de um de seus netos!! Uma comilança das boas, com cozinheiros importados diretamente do ENCA.


No outro dia de manhã partimo rumo à barra da Ararapira. Pedalada tranquila, só um pedaço que não tinha como ir pela praia que tivemos que entrar numa trilha pela mata um pouco difícil acesso. Mas chegamos em paz. O mais legal é que pelas nossas contas a gente fechou exatamente 2000Km na frente da casa da Dona Rosa na praia deserta!!

2000Km ....... 2 cervejas

Ah!!! Esqueci de contar que finalmente nos tocamos e deixamos a carretinha da Lara de presente para o Gilson do Rio Verde, lá ela vai ser bem melhor utilizada, para gente já estava se tornando um estorvo muito pesado e nada prático, agopra ela vai na caixinha de frutas no bagageiro do Clé.

E lá chegando já fui procurara um antigo conhecido da Ararapira, Seus Rubens. Ele é o cara do bar, do rádio e da mercearia. Ele deixou a gente acampar num lugar coberto arregado... por que estávamos todo molhados. Passamos a tarde ainda a prosear com ele, bebendo cataia (ele é o inventor da cataia na pinga), ouvindo um fandango, coisa mais boa. Conversa vem, conversa vai descobrimos que tem um batco escolar que iria para o Ariri sem passar por Cardoso. Para nós melhor ainda, evita estress poir causa da Lara.



Desembarcando no Ariri, primeira cidade do estado de São Paulo´, já levamos um desfalque na panificadora.... só para a gente ficar atento, pegamos a estrada e pedalamos... até cansar e parar perto de um rio na beira da estrada, onde tomamos um banho e preparamos nossa janta numa fogueirinha na beira da barraca.



Acordamos e pedalamos até Cananéia, chegamos rapidão. Em Cananéia entramos em contato com o IPEC (Inst de Pesquisa CAnaneia) onde a gente imaginava encontrar um amigo, acabou que ele estva em Curitiba e encontramos outra amiga a Verônica que nos abriu a porta de casa. Uma benção, pudemos lavar a barraca, todas nossas roupas, toalhas, colchonetes e dar uma geral no corpo, hehehe, eu e o Clé estamos competindo, quem tira mais bicho do pé :P.

Aqui em Cananéia as coisas fluiram bem legal, o IPEC esta envolvido com uma galera do Coletivo Jovem, que atua com a cultura caiçara, atividades extra classes na escola e mais um monte de coisa. Participamos de uma reunião com eles e ficou meio que combinado em fazer um muitirão no sábado (hoje)

Quinta corremos atrás de um monte de coisa, visitamos a horta atual da escola e vimos o que seria possível fazer no local, que tem um potencial enorme e de noite eu dei uma palestra para o pessoal interessado, foi bem gostoso, eles se interessaram muito pelas as abelhinhas.



Sexta ficamos ajeitando as bikes (estávamos totalmente sem freios... até atropelamos um cachorro, coitadinho), e também estamos ajudando a Verônica a implementar uma horta em casa. Apareceu também na casa da Verônica uma galera da Bio da Federal, só para matar saudades do tempo de CAEB. Foi o dia inteiro de comilança hehehe.

Hoje, no mutirão da escola não apareceu ninguém e a gente veio mecher na NET. Talvez eles não tenham aparecido pois iam voltar de viagem ainda hoje... sei lá. Amanhã começa uma festa da cidade, vamos ver se vendemos uns trampos para angariar uma graninha..Pelo ritmo das coisas a gente vai seguir viagem na segunda ou na terça.

Estamos pensando em aumentar o ritmo da viagem, ser mais práticos quando paramos em uma cidade, acaba que a gente se engata num lugar por marcar trabalhos e mutirões e vamos ficando.... e ficando..... fffffff . Daqui pensamos em seguir para a Ilha Comprida, depois Iguape e de Iguape para Peruibe ainda estamos pensando se vamos pela praia ou por dentro...

Ahô irmãozinhos!!!

4 comentários:

Guilherme Carlin - www.chicachaca.com disse...

ahô pessoal!
Legal o texto para a revista ODiluvio. Estamos fechando a edição nessa semana e seria legal que vcs conseguissem mandar algumas fotos pelo email guicarlin@yahoo.com.br com alguma resolução melhor do que as do blog, senão a impressão da revista não fica tão boa além das fotos terem que sair pequenas.
Já que falaram do Enca seria legal que mandassem alguma de lá e outras atuais... um total de 5 fotos já ta legal.
muita força pra vcs e quando tiver saido a revista pode deixar que eu mando pra casa de vcs (?) e com certeza quando chegarem no nordeste voce vão encontrar por lá tbm.
valeu, abraços!
Guilherme

Anônimo disse...

Irmão!
Agora sim... tem q mandar mais notícias porra... ow véi: tu tá ficando negão hein! haha! :D
mande email ow!
ó: lá vai a energia... (pum) ops esse não foi energia não mano... agora vai! foi!
;D
Abraços irmão!
Careca

Mada disse...

caminhando ... caminhando.... a cada metro que vcs. estejam sobre a proteção e o cuidado de DEUS.
Amo vcs., aqui vai td. bem, bjs
Mada

Misael disse...

Minha nossa, fico imaginando o porre do quilômetro 12.000... kkkkk

Que bom receber notícias de vcs... E que grande sacada se livrar da carretinha, hein?

Grande abraço a vocês e reitero nosso apreço. Sucesso e vão pela luz...

Abraços,

Buchudo.