02/09/2007


As coisas foram acontecendo, uma levou à outra e mais outra e mais outra e ainda estamoas aqui no Guarujá, contagem regressiva agora, estamos terminando de fazer as últimas coisinhas. Essa parada de mais de 2 semanas aqui valeu para a gente dar uma ajeitada numa parte do projeto que nem demos bola, a divulgação.



O Rodrigo está ajudando a gente dar os primeiros passos, fazendo umas imagens, releases e tal, é importante, se realmente quisermos conseguir uma ajuda de fora, um patrocínio. Vamos ver o que vai dar tudo isso, não temos nenhuma experiência sobre essa área, mas encontramos pessoas de coração muito bom e muito boas também no que fazem.



Já ficou combinado entre eu e o Clé que se rolar mesmo um patrocínio ele não vai tirar a essência da nossa viagem que é a liberdade de ficar quanto tempo quisermos ou precisarmos em qualquer lugar. Sem pressa, esse é nosso maior aliado, queremos aproveitar da viagem cada momento, sem ter que podar uma estadia mais longa em algum lugar por causa de nada.



Quarta e quinta foram dias tediosos, choveu muito e não pudemos sair de casa, tínhamos marcado de ir no Góes na quinta, não rolou, ficou marcado então para o sábado. Sexta demos uma de turistas, fomos à praia, aproveitamos o mar, nos esticamos ao sol, pelas poucas horas que ele apareceu, porque depois o tempo já tinha fechado de volta. De noite fomos ao dentista. Inspeção de rotina, o Dr. Ivan, amigo aqui da galera abriu as portas de seu consultório e fez uma revisão geral nas nossas bocas! Ficamos por demais agradecidos.



No sábado, ontem, fomos no Goés. Foi produtivo, as crianças no início não queriam saber muito de brincar com a gente, mas com o tempo foram se soltando e depois de algum tempo já estavam todas envolvidos. Fizemos brincadeiras que ao mesmo tempo ensinavam, como o morcego caça, como funciona a teia alimentar, como juntos somos fortes. Foi feita também uma atividade de reaproveitamento de garrafas PET´s, fizemos um velho conhecido brinquedo da criançada, o vai - vem. Quase rolou briga para ver quem ia levar o brinquedo para a casa, mas depois foi resolvido que os vai-vem iriam ficar num lugar público onde todos que quisessem brincar iriam ter acesso, isso sem contar que quem quisesse fazer um para si em casa podia fazer, muito fácil.



Esses dias recebi notícia da galera de Cananéia. A sementinha que foi plantada por nós lá está brotando, foram feitas já duas espirais de ervas, uma em cada escola. As crianças estão empolgadas com a idéia de dar continuidade à horta que já existe. Os professores também estão empenhado. Ele também me mandou umas fotos, essa primeira é daquela aula que dei para as crianças em Cananéia a outra é da espiral de ervas que estão construindo lá! Valeu!!!!







Um comentário:

Mada disse...

oi filha, estamos aqui cheios de saudades!!!
Bom que td. esteja correndo bem.
No domingo passamos o dia na PALAVRA DA VIDA, fiquei olhando p/o logo por uns minutos e lembrei que vc. falou que queria casar na ponte daquele lago s/ ao por do sol; e por por do sol daquela tarde foi muito belo !!!
Tirei uma foto com o nenezinho da Andreia.
Foi um dia muito dez!!!
estamos tds. bem
bjs p/ vcs.
Mada